Boletim do Rengô nº 109 fevereiro/2019

Copa Rengô

Foi realizada, no dia 16 de fevereiro, a 73ª edição da Copa Rengô nas quadras do Estádio de Gueitebol da União dos Clubes de Gueitebol do Brasil sito à Av. Leonardo da Vinci, 1551 – Vila Guarani, São Paulo, SP. Esse torneio é promovido pela União dos Clubes de Gueitebol do Brasil, a cada dois meses, sempre no terceiro sábado do mês. Contou com a participação de 36 equipes, sendo 27 na categoria kooreisha (acima de 70 anos) e 9 na categoria soonen (livre).

Na categoria kooreisha, após as equipes jogarem quatro partidas cada, tiveram seguinte resultado: campeã – Matilde A (Nobuo Kunikata), vice-campeã – Saga-I (Jorge Miyazaki), 3º lugar – Saga-C (Akira Emura) e 4º lugar – Saga-G (Antoku Sadoyama). Na categoria soonen, após duas partidas classificatórias, teve o tournament dividido em 2 grupos: o principal e o da repescagem. A classificação final foi: campeã – Saga-C (Yuriko Okuyama), vice-campeã – Caucaia (Daniel Kawakami) e 3º lugar – Saga-A (Mário Maruyama) e Palmas (Isail Capatto).

 

Reunião dos Representantes Regionais da UCGB

No dia 21 de fevereiro, realizou-se a reunião dos representantes Regionais, na sala de reunião da sede da União dos Clubes de Gueitebol do Brasil, sito à Praça Barão de Japurá, 166 – Vila Guarani, São Paulo, SP, com a participação de 22 pessoas. Os participantes foram: Julio Hagio, presidente da UCGB, Hatiro Honda, presidente da Federação de Gueitebol do Estado de São Paulo, Toshinori Takamura, vice-presidente da UCGB, Takeshi Saguti (Paraná), Mitsuo Kannami (Tohoku – E. S. P.), Walter Kodama (Alta Araraquara), Mario Yamashita (Seihoku), Hiromi Kamakura (Fernão Dias), Mamoru Kimura (Sudoeste), Masayo Masuda (Central), Cicero Yugue (Brasil Central), Naoshigue Yano (Paulista), Akiji Fujita (Capital), Haruo Suzuki (Noroeste), Teruo Tagomori (Seitô), Yukio Honda (ABC), Minoru Matsuura (Rio de Janeiro), Jorge Kaku (Mato Grosso do Sul), Teruo Onari (Vale do Paraíba), Juliano Hagio (secretário), Sadayuki Hirakawa e Julro Kamo (diretores da Sudoeste).

Às 9 horas, iniciou-se a reunião com o relato individual sobre a situação atual e as perspectivas para o futuro de cada regional; a maioria citou que está havendo uma redução no número de associados por vários motivos, sendo os principais o envelhecimento e falecimento dos mais idosos, enquanto que os jovens enfrentam muitas obrigações, como estudo e trabalho, que restringem o tempo de dedicação ao esporte. Mesmo assim, algumas regionais estão conseguindo atrair novos praticantes, realizando várias atividades sociais, culturais e esportivas, dentro das associações. Como exemplo, foram relatados eventos como torneios comemorativos de aniversário dos jogadores, convidando também seus familiares; aulas de gueitebol para principiantes; clínica de gueitebol; convidar crianças para brincar com o gueitebol; convidar professores de educação física de escolas para acompanhar os estudantes; incentivar treinamento, no período noturno, aos que trabalham durante o dia. Diante dessas inúmeras ideias, a diretoria da UCGB fará análise quanto à viabilidade de sua concretização.

Outra preocupação dos dirigentes regionais é a redução gradativa do número de participantes nos Torneios Rengô-hai promovidos pela UCGB. Uma alternativa sugerida foi permitir a participação de jogadores de outras regionais nos Torneios Rengô-hai. Nos exames de árbitro de terceiro grau (sankyu), o número de candidatos é determinado pelas próprias regionais, pois todas as despesas decorrentes da realização do exame serão pagas pelas regionais.

A regional Sudoeste entregou ofício à UCGB, candidatando-se para sediar o 37º Campeonato de Brasileiro de Gueitebol em 2020, na cidade de Mairinque.

Hatiro Honda, presidente da Federação de Gueitebol do Estado de São Paulo, informou que a FGESP conta atualmente com 36 associações filiadas. Propôs dar continuidade ao plano inicial da criação de várias Federações para uni-las e formar a Confederação Brasileira de Gueitebol. Espera-se, portanto, que, além do Mato Grosso do Sul, Tocantins e São Paulo, outros estados como, Goiás, Paraná, Mato Grosso, Rio de Janeiro, Bahia, criem as respectivas federações. Assim, o gueitebol será reconhecido como esporte oficial do país pelos órgãos governamentais.

A divulgação das notícias da UCGB poderá ser acessada através do site: www.gateball.org.br, e pelo boletim mensal distribuído para todas as regionais. O importante também é que os presidentes das regionais encaminhem os boletins aos seus clubes filiados e seus associados.

 

Torneio Aberto da FGESP

Foi realizado no dia 24 de fevereiro, o 8º Torneio Aberto de Gueitebol da Federação do Estado de São Paulo, nas quadras do Estádio de Gueitebol da União dos Clubes de Gueitebol do Brasil, sito a Av. Leonardo da Vinci, 1551 – Vila Guarani, São Paulo, SP, com a participação de 51 equipes, sendo 31 na categoria sênior (acima de 70 anos) e 20 na categoria jovem (livre). O novo presidente Hatiro Honda, eleito na assembleia do dia 3 de fevereiro, apresentou aos presentes, toda equipe da diretoria.

As equipes da categoria sênior jogaram 4 partidas, finalizando com o seguinte resultado: campeã – Suzano, vice-campeã – Tozan, 3º lugar – Matilde e 4º lugar – Saga J; e as da categoria jovem jogaram 3 partidas na fase classificatória e em seguida passaram para a fase de tournament. O resultado foi: campeã – C. Kyoyu A, vice-campeã – Saga A, 3º lugar – Nippon A e 4º lugar – Caucaia A.

 

Rengô-hai na Regional Rio de Janeiro

O 30º Torneio Rengô-hai da Regional Rio de Janeiro foi realizado no dia 24 de fevereiro nas quadras da Associação Rural Nipo-Brasileira de Santa Cruz, em Santa Cruz, Rio de Janeiro, com a participação de 11 equipes. A União dos Clubes de Gueitebol do Brasil foi representada pelo presidente Julio Hagio, pelo vice-presidente Jorge Kaku e pela diretora de Orientação Noêmia Kaku.

O torneio foi realizado em categoria única e o resultado foi: campeã – Itaguaí, vice-campeã – Campo Grande, 3º lugar – Nikkei A e Volta Redonda. 

 

COMUNICADO

36º Campeonato Brasileiro de Gueitebol – Cafelândia

Nos dias 18 e 19 de maio de 2019 será realizado o 36º Campeonato Brasileiro de Gueitebol em Cafelândia e sobre esse evento informamos que as inscrições devem ser feitas até 16 de abril junto à secretaria da UCGB mediante pagamento de taxa de inscrição (R$ 100,00/equipe) juntamente com pedido e pagamento de refeição self service ou obentô (R$25,00 cada) de sábado. Se optar por obentô no domingo, também deve ser pago junto com a inscrição. O pedido e pagamento de self service de domingo pode ser feito junto com a inscrição ou até às 12 horas de sábado no local do evento. Horário das refeições: sábado a partir de 11h e domingo a partir de 10h.

 


Postado por União em 01/03/2019 na categoria Notícias da União


Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *